sábado, 13 de abril de 2013

Qual dos lemas é o correcto: o protestante “Sola Scriptura” ou o católico “Solum Verbum Dei”?

 
A Igreja de Roma não admite teoricamente como fonte de revelação, para efeitos do seu ensino magisterial, senão duas fontes. A primeira é a Bíblia, e a segunda a tradição apostólica. Ou seja, que para efeitos da revelação normativa, Solum Verbum Dei é a soma das Escrituras e da Tradição Apostólica.
 
E isto nos traz ao seguinte problema:
 
1. A Igreja de Roma estabelece que as Escrituras e a Tradição Apostólica transmitida inicialmente em forma oral são ambas fontes de revelação que justificam a expressão inclusiva Solum Verbum Dei em vez de Sola Scriptura. Deve recordar-se uma vez mais que para Roma, como para a maioria dos protestantes, a revelação normativa terminou com os Apóstolos.
 
2. O cânon da Escritura, ou seja, a delimitação do que é e do que não é Escritura, foi reconhecido através de um processo histórico que produziu um consenso virtualmente unânime em finais do século IV para o Novo Testamento e os livros protocanónicos do Antigo.
 
3. No século XVI o Concílio de Trento sustentou contra os Reformadores a doutrina das duas fontes de revelação, que foi reafirmada até aos nossos dias.
 
4. Este concílio delimitou claramente o cânon bíblico mediante a enumeração dos livros que no seu entender compunham o Antigo e o Novo Testamento.
 
5. No entanto, nem os bispos de Trento, nem ninguém antes deles, delimitaram e definiram quais eram precisamente os ensinamentos que, transmitidos oralmente pelos Apóstolos, se conservaram na Igreja até aos nossos dias.
 
6. Em outras palavras, o conteúdo e os limites da suposta tradição oral Apostólica nunca foi delimitado por aqueles que afirmam dogmaticamente a sua existência.
 
7. Portanto, é absolutamente impossível submeter a uma prova histórica, como podemos fazê-lo com as Escrituras, a indefinida Tradição Apostólica.
 
8. Conclui-se que a pretensão romana de possuir uma fonte de revelação adicional além das Escrituras, a qual no entanto não pôde ou quis definir, é uma ficção destinada a permitir novas doutrinas desconhecidas para a Bíblia.
 
É por estas razões que Solum Verbum Dei fica na prática reduzida a Sola Scriptura. Nos séculos decorridos desde Trento, os romanistas não puderam demonstrar o contrário.

8 comentários:

  1. Mas a onde que nas Escrituras se Condena o Conceito de Tradição ???, Ora não foi o próprio Cristo que disse que estaria Conosco até o Fim dos Tempos ?? Sendo assim como que a Tradição Oral terminou com os Apóstolos ??....Creio que a Bíblia Apoie muito mais o Princípio Solum Verbum Dei, do que o Princípio Sola Scriptura, Pois bem antes de o Novo Testamento começar a ser escrito já havia Igreja...

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Mas aonde é que alguém condenou o Conceito de Tradição ??? Na verdade, nós seguimos a Tradição Apostólica conforme se encontra conservada nas Escrituras.

      E quem disse que a «Tradição Oral» terminou com os Apóstolos???

      Na prática, o Princípio Solum Verbum Dei, é idêntico ao Princípio Sola Scriptura, - é o fato de se reconhecer a Escritura como Palavra de Deus, que a torna a autoridade suprema e final para a Igreja.

      Além disso, a frase "Creio que a Bíblia Apoie muito mais o Princípio Solum Verbum Dei, do que o Princípio Sola Scriptura" é auto-refutante. Se a Bíblia «apoia», então a sua conclusão baseia-se no Princípio Sola Scriptura.

      É evidente que o Novo Testamento quando começou a ser escrito já havia Igreja... e o que tem isso de extraordinário?

      Eliminar
    2. “Mas a Palavra do Senhor permanece para sempre. Ora, é esta a Palavra cuja Boa Nova vos foi levada,” 1° Pedro 1.25
      “Conhecido antes da fundação do mundo, mas manifestado, no fim dos tempos, por causa de vós. Por ele, vós crestes em Deus, que o ressuscitou dos mortos e lhe deu a glória, de modo que a vossa fé e a vossa esperança estivessem postas em Deus.” 1° Pedro 1.20-21
      “Portanto, irmãos, ficai firmes; guardai as tradições que vos ensinamos oralmente ou por escrito.” 2° Tessalonicenses 2.15
      “Nós vos ordenamos, irmãos, em nome do Senhor Jesus Cristo, que vos afasteis de todo irmão que leve vida desordenada e contrária á tradição que de nós recebestes.” 2° Tessalonicenses 3.6
      “Se recusa ouvi-los, dize-o à Igreja. E se recusar ouvir também a Igreja, seja ele para ti como um pagão e um publicano.” Mateus 18.17
      “Também eu te digo que tu és Pedro, e sobre esta pedra edificarei minha Igreja, e as portas do Hades nunca prevalecerão contra ela. Eu te darei as chaves do Reino dos Céus e o que ligares na terra será ligado nos céus, e o que desligardes na terra será desligado nos céus.” Mateus 16.18-19
      “ Todavia, se eu tardar, saberás com proceder na casa de Deus, que é a Igreja do Deus vivo: coluna e sustentáculo da verdade.” 1° Timóteo 3.15
      Em nenhum lugar a Bíblia reduz a Palavra de Deus apenas à Escritura. Pelo contrário, a Bíblia nos diz em muitos lugares que a autorizada Palavra de Deus deve buscar-se na Igreja: na sua tradição, assim como na sua pregação e ensino. Por isso , penso que a Bíblia apoia o princípio Católico de 'solum verbum Dei' (só a Palavra de Deus), em vez do princípio protestante 'sola Scriptura' (só a Bíblia). "Toda a Escritura é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça. Por ela, o homem de Deus se torna perfeito, capacitado para toda boa obra." 2° Timóteo 03.16-17 Observem nessa passagem, menciona "toda a Escritura", mas não diz "só a Escritura". E outra, em Mateus 15 Jesus não estava condenando toda a tradição, mas só a corrupta. Jesus cumpria as leis judaicas referentes ao sacrifício. Ele celebrava todos os anos em Jerusalém e é de se presumir que comesse o cordeiro sacrificado, primeiro com a família e mais tare com os apóstolos. Afinal de contas, isso não era facultativo. Consumir o cordeiro era o único jeito de o judeu fiel renovar a aliança com Deus, e Jesus era um judeu fiel.

      Eliminar
    3. Pode nos informar qual é o conteúdo da Palavra de Deus que a "Igreja" possui e que falta nas Escrituras?

      Eliminar
    4. Nós não afirmamos que a Palavra de Deus se reduz apenas à Escritura, mas você está a sugerir que a Palavra de Deus se reduz apenas à Escritura mais a "boa tradição"?

      Eliminar
    5. Com que critérios distingue uma "boa tradição" de uma "tradição corrupta" e reconhece que essa tradição é Palavra de Deus?

      Eliminar
    6. Novamente o argumento auto-refutante:

      "...a Bíblia apoia o princípio Católico de 'solum verbum Dei' (só a Palavra de Deus), em vez do princípio protestante 'sola Scriptura' (só a Bíblia)."

      O problema é que você usa só a Bíblia para chegar a esta conclusão, logo auto-refuta-se.

      Já reparou que toda a sua argumentação é baseada só na Bíblia, portanto usa só a Bíblia como autoridade suprema e, por conseguinte, utiliza o princípio da sola scriptura para refutar a sola scriptura, logo toda a sua argumentação é auto-refutante.

      Nós não negamos que só a Palavra de Deus 'solum verbum Dei' tem a autoridade suprema. É por isso mesmo que declaramos o princípio da sola scriptura, ou seja a Escritura como autoridade suprema porque a reconhecemos como Palavra de Deus.

      Se você tem outra fonte da Palavra de Deus, além da Bíblia, que se possa considerar como uma revelação normativa para a Igreja universal, então deve-a apresentar e só assim poderá refutar a Sola Scriptura sem se auto-refutar.

      Eliminar
    7. Toda a Escritura é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça. Por ela, o homem de Deus se torna perfeito, capacitado para toda boa obra." 2° Timóteo 03.16-17 Observem nessa passagem, menciona "toda a Escritura", mas não diz "só a Escritura".

      Pode nos informar que outra coisa é essa, além da Escritura, que é inspirada por Deus, e útil para ensinar, para repreender, para corrigir e para formar na justiça. Que por ela, o homem de Deus se torna perfeito, capacitado para toda boa obra, que o apóstolo Paulo se esqueceu de escrever mas que transmitiu oralmente às igrejas e chegou de boca em boca até hoje ao Papa Francisco? :)

      Eliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...