quarta-feira, 16 de março de 2011

É bíblica a oração do Ave-Maria?


Não, de modo algum esta oração é bíblica.

O Ave-Maria é uma oração de origem medieval (século XII) manifestamente sincrética.

Com efeito, a primeira parte, até "bendita sois vós entre as mulheres, e bendito é o fruto do vosso ventre, Jesus" baseia-se no Evangelho de Lucas.

No entanto,

1) O acto de dirigir uma oração a alguém que não seja Deus, não é bíblico.

2) Pedir a intercessão de um defunto também não é bíblico.

A este propósito, diga-se que só em princípios do século XVI se acrescentou ao Ave-Maria, até então uma saudação bíblica, o rogo final pelos pecadores "rogai por nós pecadores, agora e na hora da nossa morte, amen", que não é ensinado no Novo Testamento nem tampouco nos Padres dos primeiros séculos.

7 comentários:

  1. Paz do Senhor! Excelente artigo: pequeno, conciso e com o principal para se poder demonstrar a qualquer pessoa que "rezar a avé-Maria" não é bíblico.
    Obrigada por mais um útil artigo amado, que sejas por Deus recompensado!
    Flor

    ResponderEliminar
  2. Venha vistar nosso blog tbm ..já estou seguindo o seu siga o nosso tbm .. a paz do senhor
    http://eventosigorassplenitude.blogspot.com/

    ResponderEliminar
  3. "Pedir a intercessão de um defunto também não é bíblico."

    Parece que o autor deste blog é adventista e acredita na baboseira de que a morte é um sono(!) ou que todos os mortos estão incoscientes e bla bla bla e mais algumas baboseiras do famoso "teólogo" adventista Samuele Bachiochi ou de Ellen White!!!

    Eu prefiro acreditar nas palavras de Jesus ao ladrão da cruz(e não nas versões deturpadas adventistas..)


    1) "O acto de dirigir uma oração a alguém que não seja Deus, não é bíblico.(!)" Eu não vou nem entrar na polêmica que os hereges fazem e na confusão dos termos intercessão/mediação dos Santos!!!!Mas esta frase está,no mínimo,mal elaborada porque a Bíblia manda os cristãos dirigerem suas orações uns pelos outros!

    E ainda consegue enganar e inflamar os outros hereges!!!!!!!!!!!!!Santa Maria!!!Perdoa-os,pois eles não sabem o que falam!!!!!!!!!!!!!!

    "Dignare me laudara te virgo sagrata da mihi virtuten contra hostes tutos"!!!!!

    Já que o autor gosta tanto de citar os padres primitivos!!!!!!Logo eu mostrarei algumas citações deles para desmascarar toda essa farsa!!!

    ResponderEliminar
  4. Este nosso apologista romanista possui seríssimos problemas de interpretação!O fato inconteste é que a própria Igreja romana admite que parte da oração "Ave Maria" não é bíblica!Eu não lembro agora a data e o ano dos acréscimos,mas a própria Enciclopédia afirma que parte da oração provém da Tradição!

    Em que o autor admite ser adventista?O texto não trata do tema do "sono inconsciente da alma" ou da doutrina do mortalismo cristão!(Na verdade eu nem sei qual a opinião do autor do blog sobre este tema e isto NÃO importa,pois cada um é livre para acreditar no que quiser).Caso queira debater sobre este tema(eu acredito na imortalidade da alma) seriamente eu ponho o meu email aqui para debatermos à luz da Bíblia e da Patrística e não dos livros de Ellen White ou Samuele Bachiochi,mas não fuja do foco do assunto aqui!!!

    O que deves fazer é contestar à luz da Bíblia e da Patrística as duas premissas expostas e não vir aqui com os famosos clichês e "ad hominens" desviando o foco do assunto!!!

    Se contestares com a FUNDAMENTAÇÃO DEVIDA eu continuarei te respondendo!!!

    ResponderEliminar
  5. A bíblia aprova a intercessão entre pessoas vivas!!!O que deves fazer é mostrar que a intercessão entre um vivo e um morto é biblíco!

    ResponderEliminar
  6. Para calar as vozes maliciosas do apologista católico, aqui fica o que diz a Encyclopædia Britannica no verbete Hail Mary (Ave Maria):

    "Ave Maria, também chamada de Saudação Angélica, uma principal oração da Igreja Católica Romana, compreende três partes dirigidas à Virgem Maria...
    A primeira parte, as palavras do Arcanjo Gabriel (Lucas 1:28), aparece em liturgias, logo no século 6. A segunda parte, as palavras de Isabel (Lucas 1:42), foram adicionadas à primeira parte por volta do ano 1000 dC, sendo o aposto "Jesus" adicionado cerca de dois séculos mais tarde, possivelmente pelo Papa Urbano IV (reinou de 1261-1264). A petição de encerramento entrou em uso geral durante o século 14 ou 15 e recebeu a sua formulação oficial no Breviário reformado do Papa Pio V em 1568."

    "Hail Mary". Encyclopædia Britannica. Encyclopædia Britannica Online.
    Encyclopædia Britannica Inc., 2012. Web. 03 Jul. 2012
    http://www.britannica.com/EBchecked/topic/251810/Hail-Mary

    ResponderEliminar
  7. Eu queria que o apologista "católico"(palavra mal empregada,mas deixa pra lá...) no dia 15 de março desse 3 pulinhos e pedisse a intercessão de São Longuinho em favor dele nesses debates!!!!!Ele não se cansa de apanhar!!!!!

    http://yaracroche.blogspot.com.br/2012/03/15-de-marco-dia-de-sao-longuinho.html

    Pede aí ao São Longuniho ou aos outros 10 mil para interceder ao seu favor...

    ResponderEliminar

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...