domingo, 31 de outubro de 2010

O papa e a unidade da Igreja


Graças ao papa produziram-se os dois maiores cismas da história do cristianismo:

1. O grande cisma entre as Igrejas do Oriente e a do Ocidente, quando o papa quis impor aos orientais a extra e anti-bíblica doutrina do primado romano, e como os orientais a desconheceram, os quis excomungar.

2. O grande cisma do Ocidente, quando outro papa, mais interessado nas artes e na caça do que nos seus labores pastorais, subestimou o clamor da Reforma e deixou que a Igreja se dividisse.

Como curiosidade, ambos tinham tomado para si o mesmo nome:

Leão IX (papa 1049-1054)

Leão X (papa 1513-1521)

Depois de ter tido um papel principal em dividir a cristandade, os papas se dedicaram a manter a unidade do que lhes restou, censurando, castigando ou expulsando os que dissentem.

Onde está o Espírito há unidade. Da verdadeira, da autêntica, da que vem de Deus.

Durante séculos a Igreja manteve a sua unidade sem primado de jurisdição nem de magistério do bispo de Roma. Quando quis impô-los, precipitou o cisma.

1 comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...